A relação entre cuidado de si e cuidado dos outros : o significado da crítica de Michel Foucault ao “poder pastoral” para a poimênica cristã

Hermann Steinkamp

Resumo


As discussões nos últimos anos sobre os “ limites da ajuda” em várias profissões dedicadas à assistência ao ser humano levam a uma reconsideração da relação entre ajuda aos outros e autoajuda, entre o cuidado dos outros e o cuidado de si. A partir de percepções e análises extraídas da obra de Michel Foucault, especialmente na sua última fase, tenta-se compreender a passagem de uma Antiguidade clássica em que o foco estava no cuidado de si como núcleo da ética para um tempo em que o foco se desloca para o cuidado dos outros. A ética cristã tem a ver com este deslocamento, que acarreta alguns problemas que levam à discussão atual mencionada. Novas relações na “microfísica do poder” poderiam levar hoje a um novo equilíbrio entre estas duas dimensões. A teologia prática deve considerar isto no âmbito de suas próprias reflexões.

Palavras-chave


Cuidado pastoral; Cuidado de si; Cuidado dos outros; Michel Foucault

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/et.v39i3.727

Direitos autorais



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 0101-3130 (impresso) ISSN 2237-6461 (eletrônico)


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400