Quando os Deuses morrem na praia: algumas anotações sobre anjos e textos sagrados

Iuri Andréas Reblin

Resumo


Este texto apresenta algumas notas sobre a evolução do conceito anjo de suas raízes veterotestamentárias para os dias de hoje. Ele resgata a etimologia e o significado do termo e a história da formação do povo judeu enquanto grupo social e religioso e as teorias em torno do conceito anjo, especialmente, aqueles que falam de um enviado especial de Deus, chamado de "o anjo do Senhor". Por fim, aborda ainda outros seres bíblico-mitológicos que foram associados ao termo anjo, tais como os querubins e os serafins. O texto conclui que existem varias teorias sobre os anjos e que a Diáspora e o helenismo tiveram um papel significativo na evolução do conceito.


Palavras-chave


Angelologia bíblica; Anjos; Antigo Testamento; Etimologia e significado

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v25i0.134

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400