O Adolescente marginalizado frente à modernidade líquida

Jeferson Polidoro Ruaro Pimentel

Resumo


O artigo em questão objetiva destacar características dos adolescentes e fazer apontamentos de como eles se tornam marginalizados frente às situações impostas pela modernidade líquida, e como ela influencia o seu comportamento na busca em atender a necessidade que sentem de serem aceitos na sociedade em que estão inseridos. Para tanto, foi utilizada a pesquisa bibliográfica para o levantamento das informações expostas, e o marco teórico foi desenvolvido principalmente através dos estudos do sociólogo Zygmunt Bauman, com base em sua teoria líquida, do teólogo e psicólogo James Fowler, dos psicanalistas Contardo Calligaris e Françoise Dolto, com base em seus estudos sobre as características da fase da adolescência. Os resultados encontrados na produção deste artigo serão utilizados para o desenvolvimento da dissertação de mestrado do autor, intitulada “Desenvolvimento da fé e educação cristã na infância para a formação cidadã da criança”, além de ser debatido junto ao grupo de pesquisa “Interculturalidade na América Latina”, coordenado pelo Dr. Roberto Ervino Zwetsch.

Palavras-chave


adolescente; marginalizado; modernidade líquida; sociedade

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v33i0.1666

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400