Educação Infantil e formação de professores/as

Elisabete Andrade

Resumo


As dúvidas e inquietações em torno da educação para a docência no espaço-tempo das escolas infantis permeiam o caminho desta pesquisa que é norteada pelos anseios de alguém que se reconhece um sujeito social em permanente processo de educação. Entendo que educação é a forma pela qual o ser humano se constitui agente de transformação social. Porém, qual a importância que os/as professores/as que desenvolvem sua atividade com crianças na faixa etária de zero a seis anos atribuem a sua educação, como conduzem o processo de educação continuada? A experiência docente revelou muitas inquietações na maneira como é pensado o cotidiano das escolas infantis e, em particular, a forma de perceber o professor. Com a realização desta pesquisa, busquei questionar e compreender a maneira como vem sendo pensada a educação de professores/as e o cotidiano de uma escola infantil do município de Três de Maio. Em meio ao cotidiano do fazer educativo, busquei entender, no espaço-tempo da escola infantil, quais as relações de poderes e saberes que orientam a educação continuada e a prática pedagógica do professor/a.

Palavras-chave


Educação continuada; Infância; Espaço-tempo; Poder-saber

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v20i0.2004

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400