O apocalipse midiático na produção cultural evangélica

Elisa Hoerlle

Resumo


Enquanto a religião evangélica é transformada pela incorporação de lógicas e operações dos meios de comunicação de massa, percebemos um redesenho no seu espaço interacional. Nesse artigo expandiremos a discussão sobre uma categoria de trabalho que se destacou na análise da indústria cultural evangélica: a produção apocalíptica. Questionamos como os evangélicos pensam a atividade midiática, e que diferentes funções esses discursos exercem no campo religioso. Com isto, pretendemos amadurecer a compreensão sobre articulações e disputas entre os campos responsáveis pela produção de sentidos. Nossos casos reúnem atores em diferentes relações institucionais: livretos de um pastor; revista de uma organização para-eclesiástica; e, por último, vídeos conspiratórios de um produtor independente.


Palavras-chave


midiatização evangélica; apocalípticos-integrados; indústria cultural

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v36i0.2391

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400