A negação cultural-religiosa do pentecostalismo de primeira onda no Brasil: um olhar fenomenológico

Elio Roberto Pinto Santiago Filho

Resumo


Este artigo tem por objetivo expor uma interpretação fenomenológica acerca da atitude de negação cultural e religiosa do pentecostalismo de primeira onda no Brasil, representada pelo surgimento da Assembleia de Deus e da Congregação Cristã no Brasil. Tal atitude, não unívoca, é entendida como basilar na compreensão do desenvolvimento desse fenômeno religioso dentro da cultura autóctone. Destacam-se seus elementos constitutivos, o mal, a conversão e a ética, tratados como dimensões dessa atitude negativa que de forma integrada completam um ciclo religioso capaz de transformar radicalmente visões de mundo em torno da ordem transitória da cultura.


Palavras-chave


Pentecostalismo no Brasil; Cultura; Interpretação fenomenológica

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v38i0.2398

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400