Teologia e filosofia na obra dos primeiros apologistas cristãos

Jose da Cruz Lopes Marques

Resumo


O presente artigo tem por objetivo analisar a influência das correntes filosóficas gregas nas concepções teológicas dos Pais da Igreja. O estudo concentrar-se, principalmente, na obra dos apologistas cristãos dos dois primeiros séculos. O trabalho procura ainda refutar a ideia segundo a qual os teólogos patrísticos rejeitaram qualquer influência do pensamento grego e ainda que os pais não tinham qualquer conhecimento das filosofias de seu tempo. A pesquisa será feita a partir da análise das principais obras dos primeiros defensores da fé cristã, considerando, sobretudo, os paralelos entre as doutrinas filosóficas e a teologia cristã em seus primórdios.


Palavras-chave


APOLOGIA; PATRÍSTICA; TEOLOGIA; FILOSOFIA

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v41i0.2439

Direitos autorais 2016

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400