A relação entre Deus e o tempo: uma mudança de paradigmas teológicos na Igreja Adventista do Sétimo Dia?

Milton Luiz Torres

Resumo


Este artigo trata de um recente dilema que está afetando a teologia da Igreja Adventista do Sétimo Dia no Brasil e no mundo. Antes de 1983, poucos teólogos adventistas criam que Deus era um ser temporal. Em tempos recentes, contudo, mais e mais teólogos adventistas estão chegando à conclusão de que um abandono de influências “pagãs” exige uma nova avaliação da relação entre Deus e o tempo. Ao examinar, de forma mais atenta, essa tendência à luz do que a teologia recente, a Teoria da Relatividade e a Física Quântica nos têm ensinado acerca do tempo, este artigo considera as implicações – para a teologia adventista ou, de fato, para qualquer teologia cristã – dessa mudança de coração. No final, o artigo sugere que os antigos filósofos gregos e os primeiros teólogos cristãos podem nos ter oferecido uma explicação mais viável, afinal de contas.

Palavras-chave


Deus; Tempo; Eternidade

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v41i0.2677

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Direitos autorais 2016

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400