Egocentrismo espiritual e construtivista: possíveis relações entre a Bíblia Sagrada e Jean Piaget

Roseline Nascimento de Ardiles, Wania Suelly Botelho Leite

Resumo


A Bíblia Sagrada apresenta diversos contextos em que o termo egocentrismo é retratado como elemento dificultador para o crescimento espiritual do sujeito. Piaget aborda o termo egocentrismo como desfavorável à construção do pensamento autônomo do indivíduo. Assim, buscou-se investigar a relação do termo egocentrismo entre os dois paradigmas, verificando as possíveis implicações que o egocentrismo traz para a vida espiritual do sujeito adulto. Para tanto, recorreu-se ao estudo qualitativo da Bíblia e dos aportes teóricos do Construtivismo de Jean Piaget. Constatou-se que o egocentrismo espiritual (aspecto central do pensamento adulto) é considerado como sendo o estágio infantil da espiritualidade por desempenhar a mesma função e forma qualitativa do egocentrismo construtivista, e por evidenciar a relação de coação com as regras encontradas fundamentalmente no pensamento infantil tratado na teoria de Jean Piaget. Ademais, destaca-se que o desenvolvimento espiritual do sujeito estaria estritamente relacionado com as relações de cooperação, envolvendo não apenas a noção de 'dever' mas e principalmente a de 'querer' realizar.

Palavras-chave


Egocentrismo; Espiritualidade; Construtivismo

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v31i0.521

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400