Sobre a intentio operis de Umberto Eco

Haroldo Reimer

Resumo


O artigo busca apresentar a proposta da intentio operis em Umberto Eco como contraposição à intentio auctoris e à intentio lectoris. Visa também apresentar alguns críticos em relação a esta proposta a partir da noção de que intencionalidade só pode ser entendida como projeção de sentido a partir de um autor ou do um leitor.

Palavras-chave


Hermenêutica; Interpretação; Intentio operis; Umberto Eco; Autor; Leitor

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22351/nepp.v23i0.77

Direitos autorais

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional

 ISSN 1678-6408


Rua Amadeo Rossi, 467
Morro do Espelho - São Leopoldo - RS - Brasil
CEP 93.030-220 - Tel.: +55 51 2111 1400