Comentários do leitor

Saúde 01

por rodrigo mota (2018-01-13)


Nos últimos anos, houve um grande avanço na compreensão da fibromialgia, que é considerada uma síndrome por englobar uma série de manifestações clínicas. Há 18 pontos no corpo, localizados em articulações e no pescoço, que são considerados cruciais; se, em 11 desses pontos, paciente sentir dor quando for tocado, se caracteriza a fibromialgia. Sim, a fibromialgia acomete mais mulheres na proporção de 6 mulheres para cada homem, principalmente na faixa etária entre 30 e 50 anos. Como outros pacientes que sofrem de dor crônica, quem tem fibromialgia também pode se queixar de falta de memória e dificuldades na concentração.

A Depressão é proeminente em pacientes da fibromialgia com risco de obter os sintomas depressivos pelo menos uma vez que são aproximadamente 90% e que obtêm a desordem depressiva principal (MDD) que é aproximadamente 62-86% em pacientes da fibromialgia.



Existem pontos em determinados lugares do corpo que médico investiga para saber se são dolorosos ao toque e que são típicos na fibromialgia. Em 80% dos casos, a fibromialgia atinge mulheres. A fibromialgia é mais comum nas mulheres e entre 20 e 50 anos e também já atingiu a atriz Daniele Valente. Os investigadores acreditam que a estimulação do nervo repetido faz com que os cérebros das pessoas com fibromialgia mudem.

Outro termo usado para descrever a fibromialgia é SPID ou Síndrome da Polimialgia Idiopática Difusa. Estudos também têm demonstrado que pessoas com fibromialgia sentem dor mais intensa em níveis mais baixos do que pessoas sem a condição. Parabéns pelo seu depoimento, relatou exatamente como é ter e conviver com a fibromialgia. Essa é a forma de prevenir uma nova crise ou mesmo surgimento da fibromialgia.

A fibromialgia afeta negativamente na qualidade de vida dos pacientes por estar relacionada a dor constante e rigidez muscular. Segundo thai360 desafio 8 semanas os especialistas, que caracteriza a fibromialgia é principalmente a dor no aparelho locomotor: membros e coluna. Isto é importante, pois por muito tempo pensou-se que a fibromialgia era uma depressão mascarada”. A Fibromialgia é uma causa importante de dor aguda ou crônica associada a fadiga, sono não reparador, queixas relacionadas a sintomas ansiosos e depressivos, além de disfunção cognitiva com alterações de memória ou raciocínio.

E no conteúdo de hoje vou te mostrar 4 RAZÕES de como a meditação pode ajudar você no combate e no controle às dores crônicas, à depressão e aos incômodos causados pela fibromialgia e seus sintomas. Em pacientes com fibromialgia, os pesquisadores descobriram que a dor diminuiu quando os níveis da molécula cerebral glutamato diminuiam. A Fibromialgia é uma das doenças reumatológicas mais frequentes.

A Fibromialgia é conhecida também como Síndrome Astenia Crônica ou doença reumática pelo desconhecimento das causas da doença. diagnóstico da fibromialgia é essencialmente clínico, não havendo alterações laboratoriais específicas. Por isso, é muito comum médicos diagnosticarem dois problemas no paciente: cervicalgia e fibromialgia, por exemplo. A síndrome da Fibromialgia é classificada no Cadastro Internacional de Doenças (CID 10), sob código M79.0 e manifesta-se em milhares de pessoas espalhadas pelo mundo.